ADVComm - Tecnologia Fotoluminescente e Acessibilidade

Solicite um Orçamento

Nome*

E-mail*

Telefone*

Mensagem

Não preencher:

Combate a incêndios florestais recebe investimento de 25 milhões anuais do Ibama

O Ibama investe anualmente R$ 25 milhões na prevenção e no combate a incêndios florestais. O recurso é utilizado para monitoramento via satélite, capacitação de brigadistas de incêndio e ações para viabilizar o combate ao fogo em áreas florestais. Neste ano, o órgão contratou 810 brigadistas para trabalhar nas operações de combate. Outros mil devem ser recrutados pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) para reforçar as equipes.

combate_a_incendio__
Quando um foco de queimada é detectada pelos satélites que monitoram áreas de proteção ambiental para combate a incêndio, equipes são mobilizadas de acordo com a gravidade do incêndio. A classificação enquadra o incêndio em três níveis:
1º incêndios rotineiros – normalmente solucionados pelas secretarias municipais.
2 º Queimadas mais intensas – essas requerem intervenção do Ibama.
3º Queimadas gravíssimas – abrangem secretarias municipais, Ibama e reforços da União, com participação da Funai e ICMBio.
A estimativa é que 95% das queimadas ocorram por ação humana. Só no Mato Grosso foram registrados 1.081 focos de incêndio em maio, Tocantins, com 778 ocorrências, Bahia, onde houve 259 acionamentos e Maranhão, com 206 incêndios no mês.

Cristian Berlink, coordenador de emergências ambientais do Instituto Chico Mendes (ICMBio) pede para que produtores rurais e agro negócio evitem queimar matéria orgânica no inverno, época de seca, devido a facilidade em que o fogo pode se alastrar. A expectativa do Ibama é que as queimadas comecem a diminuir somente em novembro, quando volta a aumentar a incidência de chuvas.

Fontes: Portal Brasil, INPE, ICMBio, PrevFogo e Ibama. Imagem divulgação.

Acreditamos que placas de sinalização são úteis para instrução de trabalhadores rurais em áreas de preservação ambiental ou regiões com risco de queimada, para auxiliar na conscientização e no combate aos incêndios.

A ADVComm possui uma extensa linha de placas de sinalização de proibição e caráter preventivo, indicadas para locais com risco de incêndio. As placas são produzidas com ampla variedade de materiais e formatos, incluindo sinalização de longa distância. Fale conosco para saber mais.

Publicada em Blog, Bombeiros and tagged , , .
Comentários

Cadastra-se para receber conteúdo exclusivo.

Estudio Fante - Agência Digital